Conduzir na Madeira

A Madeira tem muitas estradas recentemente asfaltadas e uma nova via rápida com modernos túneis que permitem transpor facilmente as montanhas que outrora tinham de ser contornadas por estradas vertiginosas. Por isso, é hoje muito mais fácil conduzir na ilha do que no passado. Actualmente, pode deslocar-se rapidamente entre as várias regiões da Madeira, sem ter de passar por estradas alcandoradas nas vertentes de barrancos ou falésias. Contudo, se o desejar, pode ainda percorrer essas estradas repletas de panoramas magníficos. Na Madeira conduz-se pela faixa direita, e todos os veículos têm o volante à esquerda. O uso de cinto de segurança é obrigatório, tal como no resto da Europa. As crianças com menos de 12 anos de idade não podem ir nos assentos da frente. O limite de velocidade nas zonas urbanas é de 40–50 km/h e de 100 km/h nas restantes áreas. Nas cidades e vilas existem muitas ruas estreitas calcetadas. Enquanto alguns visitantes preferem estacionar em parques de estacionamento e percorrer a pé as bonitas ruas das povoações, outros gostam de passear em descapotáveis apreciando o sol, as paisagens e a vida local.

Os condutores madeirenses estão habituados às dificuldades dos turistas e são extremamente simpáticos e prestáveis. Quando conduzir fora das cidades e se aventurar pelas estradas entre as montanhas, lembre-se de usar a caixa de velocidades para abrandar nas descidas íngremes ("travar com o motor", usando uma mudança baixa), de forma a não sobreaquecer os travões. Actualmente há estações de serviço em toda a ilha, mas quando se afastar do Funchal é conveniente atestar o depósito para evitar preocupações desnecessárias. Respeite os limites de velocidade e lembre-se que conduzir sob efeito do álcool é um crime em toda a Europa. Preveja o tempo necessário para o seu passeio, coloque o cinto de segurança, conduza com prudência e parta à descoberta das soberbas paisagens da Madeira!