Ilha da Madeira, localização, história, geologia, flora e economia

Arquipélago da Madeira

Dados essenciais:
Arquipélago (pop. est.: 300 000), 798 km²; capital: Funchal; país: Portugal, estatuto: Região Autónoma.

Situado no oceano Atlântico a cerca de 560 km da costa de Marrocos, o arquipélago da Madeira é formado pelas ilhas da Madeira, a maior, e Porto Santo, ambas habitadas, além das Desertas e das Selvagens (estas um pouco mais próximas de África), dois pequenos grupos de ilhas não povoadas. Conhecidas pelos Romanos como "Ilhas da Púrpura", Porto Santo e a Madeira foram redescobertas no século XV por navegadores ao serviço do INFANTE D. HENRIQUE.

As origens vulcânicas da Madeira permanecem bem visíveis em locais como o anfiteatro montanhoso que envolve o Funchal, vestígio de uma antiga caldeira. A ilha é extremamente acidentada, com picos que atingem os 1860 m de altitude. Felizmente para os turistas, a actividade vulcânica cessou há cerca de 6500 anos – contudo, foi essa actividade que dotou a ilha de uma paisagem fértil, formada até recentemente por um importante manto de antigas florestas subtropicais que esteve na origem do seu nome – Madeira.

Nas encostas do norte da ilha permanecem bem preservadas algumas áreas dessa antiga floresta (laurissilva), hoje classificadas como Património Mundial pela UNESCO. No entanto, as soberbas flores que deram fama à Madeira podem ser apreciadas em todo o território e durante todo o ano. Uma das melhores formas de contemplar as soberbas paisagens é fazer um passeio pelas levadas – caminhos que seguem junto aos canais que outrora irrigavam as áreas mais secas.

A Madeira é um encantador destino turístico durante todo o ano, e embora seja importante a produção de bananas, de cana-de-açúcar e de Vinho da Madeira, grande parte do seu crescimento económico deveu-se ao turismo. O norte permanece essencialmente rural, enquanto o sul, sobretudo no Funchal e áreas vizinhas, tem vindo a crescer proporcionando acolhimento aos turistas mais exigentes. Muitos dos melhores hotéis da ilha encontram-se nesta área.

O turismo madeirense tem vindo a beneficiar de uma evolução no seu público-alvo, atraindo cada vez mais visitantes de diversas faixas etárias e estratos sociais. Outrora destino privilegiado das gerações mais velhas, a ilha é agora redescoberta pelos mais jovens e abastados. Reconhecida como a terra natal de Ronaldo, substituiu a imagem de pequena comunidade rural pela de soberbo destino de férias com excelente clima durante todo o ano, facilmente acessível a partir da Europa e atraindo jovens sofisticados que, para além da diversão nocturna, gostam de apreciar as belas paisagens e a população calorosa. A vida nocturna da Madeira, os seus restaurantes, desportos aquáticos, clima perfeito e espectaculares paisagens são inigualáveis e uma atracção imperdível para os turistas contemporâneos.